A Oitava Era – Kyrina

“Sinto-a germinar. Não como algo que vá desabrochar, mas crescer como vinhas e sufocar-me.”

O impensável aconteceu. A sensibilidade e capacidade de manipular Essência, essa eterna dádiva dos Primogénitos que sempre se furtou a eahan, thuragar e quejandos, não mais é única aos humanos. São já demasiados os relatos em Nolwyn e regiões adjacentes – por pouco fidedignos que alguns soem – para que se continue a negar que a pura Essência que a Brecha ressumbra não teve qualquer efeito nos demais habitantes de Allaryia. Pois foi certamente isso o que aconteceu, e há que aceitar o quanto antes que o equilíbrio do poder pode estar comprometido…

Manifesto encontrado em Promontório de Durlan
Desconhecido

This entry was posted in Allaryia. Bookmark the permalink.