Anamneses

Rostos do passado

Quem se lembra do velhinho sítio de Allaryia deve recordar-se de uma secção em que eu fantasiava com um elenco para um eventual filme da saga. É um pouco macabro repeti-los aqui, tendo em conta que três dos actores já faleceram, e ia jurar que já tinha feito uma selecção mais actualizada há um pouco …

Rostos do passado Ler mais

À minha maneira

Hoje gastei boa parte do dia a configurar um programa de tradução assistida por computador, porque tenho na calha umas oportunidades profissionais que assim o requerem. E tive de o configurar, porque uso Linux em vez de Windows. E porque gosto de ter o meu Linux à minha maneira, em vez de aceitar as coisas …

À minha maneira Ler mais

Malvados

Quem viu até ao fim a recente entrevista com o Tiago Costa talvez tenha ficado intrigado com a questão dos Malvados. Pois o bom do Tiago revelou-se o ás da ficção interactiva e conseguiu descobrir no espaço de um dia aquilo que eu procurei sem sucesso durante vinte anos. Ao que parece, a imagem que …

Malvados Ler mais

Olhar para o futuro em vez de aprender com o passado

Tal como sucedeu na primeira vaga, tenho sido muito pouco produtivo. Pelo menos com as coisas que «devia» fazer. O que é um contra-senso, uma vez que tempo é coisa que não falta agora. Não me entendam mal, tenho sido um adulto responsável e feito o meu trabalho, incluindo umas novas oportunidades profissionais que surgiram. …

Olhar para o futuro em vez de aprender com o passado Ler mais

Biçuç

Eles infestam os mundos de fantasia de que gostamos. Quando as coisas correm mal, ficam-lhes entregues. E, na pior das circunstâncias, podemos ser atirados a eles. Falo, obviamente, dos biçuç. Ou bixux. Ocasionalmente, biçuçs. A bicheza que imaginamos quando somos mais novos, a bicharada que tanto pode ser um animal de estimação, um amigo, ou …

Biçuç Ler mais